Olá pessoal,

 

Estive fora, mas tenho muitas novidades! É fui com a família passar o fim-de-semana a um sítio muito bonito chamado Monsaraz, com um castelo quase a tocar nas nuvens, rodeado de água pelo Alqueva.
Foi muito divertido. Fomos para uma casa diferente da minha, no meio do campo, cheia de tanques, trepadeiras e coisas históricas. Até havia uma piscina onde a minha mãe, pai e mano se banharam uma tarde toda enquanto eu, embalado pelo som da água a cair me refastelei a tirar uma sorna.

Fomos a Monsaraz, uma aldeia muito bonita e limpinha, tão pequenina que parece saída de um conto de fadas! A mamã é que foi azelha e entrou lá dentro do carro e depois não conseguiu sair! As ruas eram muito íngremes e estreitas e ela não conseguir virar para lado nenhum. Acabou por riscar o carro todo, meteu a primeira e fez o caminho todo em sentido contrário o mais rápido que conseguiu para não ser apanhada. É mesmo radical, esta minha mamã, e um pouco tonta, também!
À noite, passámos por um "menir", um enorme calhau que o meu diz ter servido para marcar o território há milhões de anos, como o meu cão faz às paredes, estilo "mijadela" ancestral.
Fomos ainda a um restaurante cheio de pinta, nas margens do Alqueva, que era um antigo lagar de azeite (eu já vos disse que os meus pais adoram azeite, não disse?). Adorei, até deslizei sobre os carris antigos do azeite com o meu carrinho.
Estive nos jardins até à meia-noite! Foi a loucura! Mas depois apareceu uma gatinha que saltou para o colo da mamã e lá ficou a noite toda e eu comecei a não achar lá muita piada àquilo tudo, afinal, aquele colinho é MEU!

Vejam lá que até li o jornal, como comprovam as fotos!

 

Ah! E nasceram-me mais dois dentes! Agora tenho 3 em cima e 3 em baixo! Perfeito!

 

Foi bom, mas adorei chegar a casa e voltar a dormir a sesta agarradinho à mãe, na cama grande!

 

Eu e a mamã à beira da piscina

 

Eu e a mamã a posar para a foto

 

Eu e o pai numa competição sobre quem tem a cabeça mais dura

 

Aqui estava a ler o jornal "I"

 

Lá ao fundo, o "calhau" com o meu pai e o meu irmão, que parecem duas formiguinhas

sinto-me:
publicado por Loja Reaproveitar às 10:26