O meu filho quer que lhe compre, pela net, as roupas mais horríveis que já vi. Correntes, quadrados, gravatas e caveiras. Para me convencer, enviou-me um email com os links para os produtos, os tamanhos e indicações sobre onde e como deveria clickar, como se nunca tivesse conhecido a Internet :)

Transcrevo aqui a introdução do email:

 

"Eu pus aqui algumas que não são para comprar, porque gosto muito delas, e se tu encontrares um Pedaço de bondade nesse teu coração irás comprar-mas muito em breve :)"

tags:
publicado por Loja Reaproveitar às 11:35